Coco Chanel, a Vida e a Lenda: Livro!

Já faz um tempinho que terminei de ler este livro e, pra falar a verdade, eu nem ia fazer resenha (nem ia, nem vou!), porque não achei nada de muito interessante na vida da queridíssima Coco e porque é muito difícil falar da vida de um mito (já contada por terceiros) sem incorrer em certos erros... ou sem ser apedrejada pelos mais apaixonados... rsrsrs

Tanto é que algumas pessoas me perguntavam se o livro era bom e eu apenas disse aos mais chegados, assim que terminei a leitura, que tudo o que tinha aprendido com uma biografia de 254 páginas foi que Chanel era uma mentirosa, perturbada, que injetava morfina nas veias para dormir... #supersincera... e que Jacqueline K. Onassis estava de conjunto Chanel Rosa, quando seu esposo, o grande John F. Kennedy, foi assassinado em Dallas... Ao que os mais revoltados respondiam... - "Claro! Isso mudou a minha vida!" - Ai ai... #quantaintolerância! kkkk...

Bem... É claro que não é bem assim... #procurandoredenção... rsrsr... É claro que biografia não precisa ensinar nada pra ninguém... Mas é claro também que eu esperava mais da vida do mito Chanel... porque talvez a gente esqueça um pouco do lado humano das pessoas que mudam a história né? Também não vou ficar usando psicologia aqui, pra tentar explicar os possíveis motivos de Chanel ter sido do jeito que foi, considerando que nunca estudei essa matéria na faculdade e considerando que, afinal de contas, cada um vive sua vida do jeito que bem entender e quem somos nós para julgar, não é verdade?

Tampouco vou entrar aqui em detalhes acerca do livro, da vida e da lenda. O que me motivou a fazer esse post, na verdade, foi uma conversa com Evandro... kkkk... #triste! Outro dia estávamos falando sobre alguma coisa que não me recordo bem no momento e ele deve ter comentado algo sobre ser difícil escrever uma biografia.

Minhas palavras: - "é difícil escrever um livro, qualquer que seja ele..."

mas, pensando melhor... srsrs...

- "Agora, escrever biografia deve ser algo realmente difícil..." - (como assim, Produção? Não foi o isso o que o cara disse?) - "...Principalmente quando a vida é de uma pessoa mundialmente conhecida. Principalmente quando essa pessoa tem alguns desvios de personalidade que você necessita detalhar. Principalmente quando essa pessoa deixou um legado enorme e reverenciado por todo o mundo. Principalmente quando você não quer que as pessoas se ofendam com o que você tá dizendo... Afinal, você só quer contar uma história..." e portador não merece pancada.

Lembrei então do caso Chanel e foi aí que resolvi escrever aqui o quanto admirei a forma como o livro foi escrito. A autora soube narrar uma história com certa imparcialidade e, mesmo assim, dando um toque pessoal de... não é tolerância a palavra que estou buscando pra isso... também não é gentileza... Bem, já que a palavra me fugiu, digamos que ela narrou uma vida complicada com um toque pessoal de suavidade, que me faria tirar o chapéu pra ela... caso eu usasse chapéu! rsrsrs... 

De qualquer forma, deixo registrada minha admiração por Justine Picardie, por ter cumprido muito bem a tarefa de apenas escrever (com uma suave sinceridade) e deixar que cada leitor e admirador tirasse suas próprias conclusões (ou não) da história de vida de Gabrielle Chanel (ou daquilo que foi revelado, considerando que a própria autora tem dúvidas quanto à veracidade de alguns fatos da vida de Gabrielle, dadas suas características de mascarar certas verdades - pro negócio ficar mais bonito e pra eu não ter que usar mais uma vez a palavra "mentira" por aqui).

Dia 25/07 já passou, mas fica registrada minha homenagem a todos os bons escritores desse mundão (poxa, a Bienal foi uma dia desses, me deem um desconto! Ainda tô no clima... rsrs). Realmente é preciso ter uma boa dose de criatividade para exercer essa difícil função...

Agora, para os mais curiosos, como eu... Eis Jackie Onassis de Chanel, no dia do assassinato de seu marido... rsrsrs... porque LD também é história! kkkk















A todos, 

Abraços, Beijos e um Ótimo Final de Semana!

Adna Maria.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...